-
Postado em 27 de Agosto de 2019 às 18h41

Santa Catarina aumenta em 10,6% a produção de peixes de água doce

A piscicultura vem ganhando espaço no meio rural catarinense e o estado é o quinto maior produtor de peixes de água doce do Brasil. A produção de peixes em cultivo se adapta perfeitamente às características das propriedades rurais de Santa Catarina e se tornou uma importante fonte de renda para mais de 30 mil agricultores. A produção estadual chegou a 47,9 mil toneladas em 2018, um aumento de 10,6% em relação ao ano anterior.

Santa Catarina conta com aproximadamente 34 mil piscicultores, sendo que apenas 9% desse total atuam como produtores comerciais, ou seja, aqueles que usam tecnologia e se aprimoram na atividade. Embora em menor número, os produtores comerciais respondem por 70% da produção catarinense de peixes de água doce (33,5 mil toneladas).

"A piscicultura tem um grande potencial de mercado. E Santa Catarina tem todas as condições de se destacar também nesse setor. Nosso grande desafio é transformar os milhares de produtores amadores em produtores comerciais para que possam acessar mercados e obter mais renda", destaca o secretário de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural, Ricardo de Gouvêa.

Produção de Tilápias

Santa Catarina se destaca como terceiro maior produtor de tilápias do Brasil. Em 2018, Santa Catarina produziu 36,4 mil toneladas do peixe, um crescimento de 14% em relação ao ano anterior.

De acordo com o pesquisador da Epagri/Cedap, Fabiano Müller Silva, a tilápia é o peixe mais produzido no país e representa 75,9% da produção total de Santa Catarina. "A piscicultura se mostra uma atividade muito importante para o agronegócio catarinense. O nosso desafio é manter o crescimento, fortalecendo e aproximando os diferentes elos da cadeia produtiva, principalmente na sedimentação do mercado avaliando o mercado para que o produtor consiga obter renda", ressalta.

A produção de tilápias está concentrada nos municípios de Rio Fortuna, Massaranduba e Armazém.

Incentivo do Governo do Estado

A Secretaria da Agricultura mantém uma linha de apoio para o melhoramento da piscicultura em Santa Catarina. Os produtores contam com financiamento de até R$ 3.750,00 para aquisição de equipamentos.

O pagamento pode ser feito em duas parcelas anuais e sem juros. Se o produtor optar em quitar o financiamento no vencimento da primeira parcela, ele terá um desconto de 60% sobre o valor da segunda parcela.

Números da Produção

Os números da piscicultura e maricultura também estão disponíveis no InfoAgro. O site, que existe também na versão aplicativo, concentra as informações de safra, desempenho da produção agropecuária, preços agrícolas e andamento de políticas públicas voltadas ao meio rural.

 

Texto: Assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural de Santa Catarina

Imagem: Epagri

Veja também

Comportamento do mercado de leite no Brasil reflete desajuste entre oferta e demanda07/07/20 A pandemia do novo coronavírus tem desafiado a cadeia produtiva de lácteos que, segundo os especialistas, passa por movimentos bruscos. Primeiro, houve elevação nos preços dos produtos lácteos devido aos movimentos de consumo logo após o início do isolamento social. Para o pesquisador da Embrapa Gado de Leite Glauco Carvalho, assim que a crise teve......
SC: Exportações do complexo soja aumentam 58% em 2019 21/03/19 A soja vem ganhando cada vez mais espaço na pauta de exportações catarinenses. Nos dois primeiros meses de 2019, o estado embarcou 229,5 mil toneladas do grão, farelo e óleo de soja – um aumento de 58% em......

Voltar para EDITORIAS